Leve Esperana At que ele Venha
palavra pastoral

Home » Mensagens » Palavra Pastoral

Palavra Pastoral

Temer ou não temer?

Seminarista Rafael Eduardo Nascimento - 15/10/17

Quando você ouve a palavra temor, que pensamentos surgem na sua mente?

Tememos crimes, câncer, falar em público, escuridão... etc. Mas será que tememos a Deus?

Por isso o escritor de Eclesiastes nos encoraja – nós que somos o povo de Deus, a temer a Deus.

Todos nós concordamos que há pessoas que não amam a Deus, elas tem todos os motivos para viver em constante temor de Deus, pois Deus promete que todos os que vivem em rebelião contra ele, sofrerão eternamente (2 Ts 16:9; Mt 5:29, 10:28; Ap. 14:9-11; 20:10)

Mais permanece a difícil questão: Em que sentido o povo de Deus deve viver em temor a Deus? O temor de Deus induz os cristãos à adoração e reverência a Deus pelo que Ele é e pelo Ele pode fazer. Às vezes, o nosso temor é semelhante ao de uma criança que evita atos de desobediência porque ama e respeita seus pais, outras vezes, é um medo sagrado, ninguém de mente sã permaneceria calmo e tranquilo na presença do ser mais poderoso do universo.

O povo de Deus também possui temor sob a disciplina divina (At.5:11) é natural e correto temer as consequências da desobediência (Hb 2:12, 4:11)

O temor de Deus também pode provir dos atributos divinos, tais como o completo conhecimento de Deus a respeito de todas as coisas, muitas pessoas frequentemente se perguntam: “Se Deus conhece tudo a meu respeito, como ele é capaz de continuar me amando”? No entanto não importa o que você fez no passado, Deus está disposto a perdoar o que se arrependem em fé. Os que colocam sua fé em Cristo nunca precisa se atemorizar diante do fato de que Deus descobriria o passado deles e os abaterá (Rm 5:1-10) Deus já conhece tudo que fizemos e tudo que faremos – ele nos ama para sempre (Jo 16:27), por meio do sacrifício de Cristo, Deus nos aceita do jeito que somos, por isso, podemos dirigir-nos a Deus com todas as nossas perguntas e preocupações.

Para a maioria de nós, temor é algo que e tentamos evitar, mas o temor de Deus abre a porta para o verdadeiro conhecimento de Deus e para as riquezas das promessas divinas. Tema a Deus e você mudará seu relacionamento com ele para melhor.

Pense Nisso,

Seminarista Rafael Eduardo Nascimento

© 2013 - 2017 - Igreja Evangélica Batista em Vila Antonieta - Todos os Diretos Reservados

Igreja Evangélica Batista em Vila Antonieta
Rua Antonio Neto Caldeira, 500 - CEP 03475-040 - Vila Antonieta - São Paulo - SP
Tel.: (11)2724-6258 - igrejabatista.vilaantonieta@gmail.com