Leve Esperana At que ele Venha
palavra pastoral

Home » Mensagens » Palavra Pastoral

Palavra Pastoral

Heróis da verdade

Pr. Renato Costa - 25/10/15

Este é o tema da cantata de nossas crianças, os “heróis da verdade”. Sim, meus irmãos e não poderia ser diferente. O evangelho de Mateus conta-nos a respeito do valor que Jesus reconhecia haver em cada criança. No capítulo 18, lemos que: Naquele momento os discípulos chegaram a Jesus e perguntaram: Quem é o maior no Reino dos céus? Chamando uma criança, colocou-a no meio deles, e disse: Eu lhes asseguro que a não ser que vocês se convertam e se tornem como crianças, jamais entrarão no Reino dos céus. Portanto, quem se faz humilde como esta criança, este é o maior no Reino dos céus (Mt 18.1-4). Veja, portanto, meus amados irmãos que Jesus acolhia as crianças e fazia isto numa época em que os pequeninos tinham pouco valor aos olhos da sociedade. Aprendiam em silêncio, eram educados com severidade, não opinavam e poucas vezes escolhiam. Jesus, no entanto, usa um pequenino para trazer aos seus discípulos afoitos e desejos de “poder” pelo privilégio do chamado que haviam recebido, uma lição que lhes seria útil para toda a vida e para seus futuros ministérios, a “humildade”. Respondendo-lhes a indagação, Jesus afirma que o maior no Reino dos céus não é Abraão, ainda que seja o Pai da fé e o amigo de Deus, não é Moisés, Josué, Davi ou mesmo eles, os doze, que caminhavam lado a lado do Messias diariamente. Antes, aquele que se faz humilde como uma criança, este é o maior no Reino dos céus. Para mim e para você, fica-nos o mesmo princípio, a saber, a humildade. Sejamos mais humildes!

Há, no entanto, uma segunda lição, agora na forma de advertência, que Jesus acrescenta aproveitando a oportunidade: Jesus segue dizendo ainda que: Quem recebe uma destas crianças em meu nome, está me recebendo. Mas se alguém fizer tropeçar um destes pequeninos que crêem em mim, melhor lhe seria amarrar uma pedra de moinho no pescoço e se afogar nas profundezas do mar (v.5-7). O que significa fazer tropeçar? Significa dar maus exemplos, como de desonestidade, de violência no lar, de egoísmo e ambição, de maus tratos para com o semelhante, enfim, males que provocam no coraçãozinho das crianças um distanciamento de Deus, às vezes, muito profundo. Isto nos faz pensar na responsabilidade que temos, não apenas como pais, mas como discípulos de Jesus em conduzir as criancinhas a Deus por intermédio de um testemunho de vida coerente com a verdade do evangelho. Sendo assim, que bom que a Igreja Batista em Vila Antonieta está fazendo a sua parte! Quem bom que há aqui uma equipe dedicada a este ministério tão importante na vida de uma igreja, e a programação especial deste mês, inclusive hoje, com a cantata “heróis da verdade”, dão provas disto. Portanto, parabéns a toda a equipe do ministério infantil, bem como a todos os irmãos que direta ou indiretamente cooperaram para que tudo isto fosse possível e fosse possível para a glória de Deus e para o crescimento espiritual de nossas crianças.

Amados irmãos, à luz de tudo o que vimos e ouvimos, vamos agora aprender com Jesus a acolher e valorizar as crianças, dando a elas bom testemunho para que jamais se distanciem de Deus, e também assumindo a pequenez que nos faz grandes, a “humildade”. Você está disposto? Está disposto a diminuir para crescer? A se rebaixar para ser exaltado? A ser pequeno para se tornar grande? A ser, simplesmente, criança?

Pr. Renato Costa

© 2013 - 2017 - Igreja Evangélica Batista em Vila Antonieta - Todos os Diretos Reservados

Igreja Evangélica Batista em Vila Antonieta
Rua Antonio Neto Caldeira, 500 - CEP 03475-040 - Vila Antonieta - São Paulo - SP
Tel.: (11)2724-6258 - igrejabatista.vilaantonieta@gmail.com