Leve Esperana At que ele Venha
palavra pastoral

Home » Mensagens » Palavra Pastoral

Palavra Pastoral

Missões locais: nossa principal tarefa! E depois?

Pr. Renato Costa - 12/06/16

Jesus fez missões locais definitivamente. Diz-nos o evangelho de Lucas que Jesus quando menino ainda era obediente a seus pais em tudo, demonstrando, desta forma, respeito e consideração (Lc 2.51). Ele fazia, assim, diferença em seu contexto doméstico. Mas a narrativa dos evangelhos não para por aí, os textos confirmam ainda que Jesus começou a ensinar e a pregar os valores do Reino na região da Galiléia. O primeiro milagre, por exemplo, aconteceu num pequeno vilarejo chamado Caná, numa festa de casamento, quando Jesus transformara água em vinho (Jo 2). Além disto, Jesus também curou o servo de um centurião romano, a sogra de Pedro, entre outras manifestações de sua misericórdia na cidade de Nazaré, onde Ele havia passado a sua juventude. Ele percorreu também as estradas de Cafarnaum, bem como outras localidades ali no entorno do mar da Galiléia. Parece-nos claro, portanto, que o método de evangelização de Jesus tinha como característica principal o fazer-se relevante em sua localidade mais próxima, mais doméstica e mais familiar. Ele caminha na direção sul de Israel passando por Decápolis e Samaria até chegar à Judéia. No entanto, antes, Cristo preocupou-se em alcançar os de sua própria localidade. Roma, Atenas ou Alexandria não estava em seus planos, mas sim a pequenina Belém, a suspeita Nazaré e a pobre Cafarnaum.

Interessante é notar que este modelo é assumido também pelos apóstolos no início da igreja cristã. Os primeiros capítulos de Atos mostram Pedro pregando em Jerusalém, palco da morte, ressurreição e ascensão de Jesus, bem como da vinda do Espírito Santo. Ainda que judeus de várias partes do mundo daquela época ali se concentraram por ocasião da festa do Pentecoste, Pedro dirigia sua palavra aos israelitas prioritariamente (At 3.11-12). Paulo é também um bom exemplo. O apóstolo aos gentios entendeu que a sua missão era comunicar a mensagem do Reino de Deus em regiões longínquas e para o povo gentio. Porém, não sem antes comunicá-la aos judeus destas localidades. É em razão disto que Paulo tinha como estratégia bem definida de seu trabalho dirigir-se às sinagogas sempre que chegava a uma nova cidade (Exemplos: At 14.1, 17.1-2, 18.1-4, 19.8).

O que tudo isto nos ensina? Que a igreja tem uma responsabilidade, um dever a cumprir, com aqueles que lhe são mais chegados. Assim como Jesus revelou a Paulo “ter muita gente em Corinto para Ele”, para o próprio Cristo (At 18.10), da mesma forma, o Senhor têm muitos nas proximidades de sua igreja aqui em Vila Antonieta que Ele deseja alcançar. É necessário, portanto, que repensemos a estratégia, a agenda, o foco e o investimento de tempo e de recursos. Antes de cumprirmos o nosso papel como igreja participando de iniciativas missionárias ao redor do mundo, é preciso voltar a atenção para a nossa Belém, a nossa Nazaré, a nossa Cafarnaum, para a nossa Galiléia e Judéia, a saber, para o nosso próprio bairro. Os grandes dilemas de nosso bairro, como criminalidade, drogas, precariedade de moradia e de atendimento de saúde, ensino fraco, bem como outros assuntos, devem preocupar-nos também, pois o Reino de Deus traz justiça, amor, paz e vida com plenitude. Vamos, portanto, ousar mudar. De fato, é nesta direção que estamos caminhando ao promovermos o 2º dia da Ação Social com feira missionária em 18 de junho próximo. O intuito é servir à comunidade com os diversos projetos de nosso Instituto e, em assim sendo, comunicar o evangelho do Senhor Jesus. Isto despenderá tempo, recursos, envolvimento das equipes dos diversos ministérios, bem como outras ações porque entendemos, à luz da Bíblia, que, como Paulo, somos devedores do amor de Deus a estas pessoas tão próximas de nós (Rm 1.14). Venha participar fazendo missões locais. Aonde Cristo irá nos levar posteriormente, nem consigo imaginar! Mas, o começo é aqui!

Pr. Renato Costa

© 2013 - 2017 - Igreja Evangélica Batista em Vila Antonieta - Todos os Diretos Reservados

Igreja Evangélica Batista em Vila Antonieta
Rua Antonio Neto Caldeira, 500 - CEP 03475-040 - Vila Antonieta - São Paulo - SP
Tel.: (11)2724-6258 - igrejabatista.vilaantonieta@gmail.com