Leve Esperana At que ele Venha
palavra pastoral

Home » Mensagens » Palavra Pastoral

Palavra Pastoral

O senhor não está preocupado? Mas isto...

Pr. Renato Costa - 18/09/16

Certa vez, eu assisti a um filme bastante interessante. Chamava-se “Ponte dos espiões” e se tratava da história de um advogado que havia se tornado um especialista em fazer conciliações. Foi curioso, no entanto, como a sua carreira profissional neste ramo começou. Os Estados Unidos havia prendido um espião russo na cidade de Nova York. O advogado, então, fora chamado para defender o acusado. Porém, com astúcia e sensibilidade, este advogado sugeriu que o seu país não fizesse nada de mal contra o espião, afinal de contas, ele poderia ser trocado por um piloto americano capturado na Alemanha Oriental. E, de fato, foi o que aconteceu. A troca aconteceu numa ponte, na Alemanha Oriental, daí o nome “Ponte dos espiões”. Porém, algo bastante interessante me chamou a atenção no filme. Sempre que o advogado conversava com o seu “cliente”, ou seja, com o espião russo, que já era um senhor de idade e, por sinal, bastante simpático, o advogado notava nele uma tranqüilidade bastante incomum para um acusado. O espião poderia ser, não apenas preso, mas também condenado à morte por espionagem. Portanto, não se imaginaria tamanha calmaria diante de um futuro tão cruel como este. Mas, apesar de tudo isto, aquele senhor se mantinha calmo, sereno, tranqüilo. O Advogado o questionava vezes após vezes, na medida em que o seu caso ia se agravando e as possibilidades de salvamento diminuindo: O senhor não está preocupado? E sabe o que ele constantemente respondia? De forma simples, porém, verdadeira, ele dizia: Isto ajudaria?

Meus irmãos, sejamos sinceros, preocupar-se excessivamente, perder noites de sono, ficar agitado andando de um lado a outro, ajuda? Certamente que não. Mas, não poucas vezes, nos preocupamos e muito. O autor do livro de Eclesiastes, no entanto, nos ensina algo muito importante a esse respeito: Quando as nuvens estão cheias de água, derramam chuva sobre a terra. Quer uma árvore caia para o sul, quer para o norte, onde cair ficará. Assim como você não conhece o caminho do vento, nem como o corpo é formado no ventre de uma mulher, também não pode compreender as obras de Deus, o Criador de todas as coisas (Ec 11.3 e 5). Ou seja, há coisas que não estão sob o nosso controle. Há coisas que devem seguir o seu curso natural (quando as nuvens estão cheias de água, derramam chuva sobre a terra...). E há propósitos de Deus em todas as coisas que nós desconhecemos, assim como desconhecemos o caminho do vento e a maneira como se forma o corpo no ventre de uma mulher. Sendo assim, preocupar-se, ajuda? Certamente que não! Vale mais a pena entregar tudo ao Criador e descansar nele e também esperar nele com paciência, como fez o salmista: Esperei confiantemente pelo Senhor; ele se inclinou para mim e me ouviu quando clamei por socorro (Sl 40.1).

Que assim seja também com você. Diante de um dia a dia repleto de situações que tendem a nos aprisionar em constantes preocupações, que você possa se lembrar de que há um Deus que é soberano sobre todas as coisas que tem em suas mãos o controle. Ele sabe o que faz e garante aos que o temem que vale a pena nele confiar, nele descansar e nele esperar. E isto, ajudaria?

Pr. Renato Costa

© 2013 - 2017 - Igreja Evangélica Batista em Vila Antonieta - Todos os Diretos Reservados

Igreja Evangélica Batista em Vila Antonieta
Rua Antonio Neto Caldeira, 500 - CEP 03475-040 - Vila Antonieta - São Paulo - SP
Tel.: (11)2724-6258 - igrejabatista.vilaantonieta@gmail.com